email para contactos:
depressaocolectiva@gmail.com

quinta-feira, 11 de fevereiro de 2016

Terapia ( 6)

Estar deprimido  é diferente de ser deprimido, julgo que toda a gente sabe.
Por exemplo, estive  hoje a temperar um coelho para fazer  amanhã assado à  alentejana e depois enfiado num escabeche. Alho, sal, vinho branco e pimentão hoje, poejo, serpão , oregão  fresco, azeite e vinagre amanhã.

15 comentários:

  1. Até parece que podemos ser deprimidos sem ficar deprimidos. :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. excelente pretexto para um próximo número, Luís...

      Eliminar
  2. o que já me ri deste post. hoje, nos três momentos em que o li e reli (amanhã logo se vê :)

    ResponderEliminar
  3. Grunf...não me soa...não como coelho. Tadinho do bicho.

    Cumprimentos
    HT

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. e o fígado dele picadinho no meio do escabeche....

      Eliminar
    2. Ui pior...nao gosto de escabeche em todos os sentidos: molho e caos... Acho que vou deprimir ou tou deprimida...já nem sei...fiquei confundida...

      Cumprimentos HT

      Eliminar
    3. eu já estou completamente deprimida só de ler o post e ainda por cima não ser convidada. Ao menos meta um pouco numa tupperware para a gente provar

      Eliminar
    4. Atenção á criteriosa escolha do azeite e do vinho para o tempero. Os grandes Chefs dizem que quanto melhor o vinho melhor sairá o cozinhado e com o azeite é mais ou menos a mesma coisa. (reconheço que não bebo vinho, mas sou um somellier nato e aos 6 anos já via como se fazia o azeite). Por isso não hesitem em usar um copo de Barca Velha 1969 no coelho á caçador , nem umas colheres de azeite H. Esporão Reserva A.V.E. Cordovil, no dito cujo bicho...

      Eliminar
  4. Caríssimo Filipe, creio que se está a esquecer dos generosos pedaços rodeleiros de chouriço...

    ResponderEliminar
  5. Estar deprimido é diferente de ser deprimido.
    De que cor é o cavalo branco de Napoleão?

    ResponderEliminar
  6. Li o meu comentário. Só tenho a comentar o seguinte. Pessoalmente sou doce...por msn. Livra! :)

    ResponderEliminar
  7. O tempo e o modo.
    (não é bem o tempero e o molho)
    A depressão também é isso: não saber o que é para fazer hoje e guardar para amanhã.
    Um desencontro com o tempo que põe as pessoas tristes.
    Mas eu tenho para mim que muitos por cento das depressões que prá-i há, dantes, davam pelo nome de ronha.

    ResponderEliminar
  8. Cada coisa a seu tempo, mais fácil com o tempero do coelho do que com a vida, no entanto a ambos ajuda o equilibro.

    ResponderEliminar

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.